Skip to content

Igreja dos Corpinhos Sarados dos Últimos Dias

by Leonardo Allevato on setembro 27th, 2012

Esse não é um artigo sobre religião. É um artigo sobre a atividade física como religião! Isso mesmo! Pode ser que você não seja assim, mas muitas pessoas têm as atividades físicas e esportivas como verdadeira religião. São fiéis à sua prática e não passam um único dia sem estar dentro de uma academia ou em outro local praticando sua atividade.

O problema é o grande paradigma que se tem hoje em dia com relação à prática de exercícios: o ideal estético ainda prevalece como objetivo da maioria desses fiéis, ou seja, se exercitar para ficar forte e sarado. Percebam que o termo “sarado” é o oposto de “doente” e, infelizmente, é assim que a sociedade atual, principalmente por influência da mídia, rotula seus integrantes. Quem não segue os padrões estéticos da “moda”, pensa-se doente e, de certa forma, se sente deslocado socialmente. Essa é uma desculpa comum para pessoas que não frequentam academias: “estou muito gordo(a), só tem gente sarada!”. Um paradoxo, não?

A verdade é que a atividade física deve fazer parte do cotidiano das pessoas – uma verdadeira religião! – primeiramente como receita de uma vida mais ativa e, em segundo lugar, como atividade orientada para uma vida mais saudável – academias e locais onde haja a presença de um profissional de Educação Física. Um passo de cada vez. Comece saindo de uma vida sedentária e depois pense em uma atividade orientada. Uma boa caminhada diária também pode ser um bom começo! O importante é não ficar parado!

atividade-física-e-religiaoMas, voltando ao assunto da Igreja dos Corpinhos Sarados dos Últimos Dias: com tantas denominações por aí, essa seria apenas mais uma, onde você alcançaria a graça através de um corpo sarado. Para alcançá-la, você me contrata como personal trainer!

Alguém topa?

From → Fitness

Leave a Reply

Note: XHTML is allowed. Your email address will never be published.

Subscribe to this comment feed via RSS